terça-feira, 12 de junho de 2012

Ao Rei Leão


A letra da canção "Ao Rei Leão", postada logo abaixo, é mais um belo trabalho de nosso leitor Gugu Keller, que também é autor de vários livros e diversos outros belíssimos trabalhos postados em seu blog (clique aqui para acessá-lo). 

Gugu, mais uma vez obrigada por autorizar a postagem desta letra que certamente tocará o coração de nossos leitores, assim como tocou o meu.


‎AO REI LEÃO
GUGU KELLER


Pelos cavalos suados, ao sol no arado, com fome, magros
Pelas feridas e chagas em seus cascos
Pelas carroças de carga, a longa estrada, chicote e fardo
Pelo ferro em brasa que marca o gado
Pelos cães que reviram o lixo enquanto tremem de frio
Seus corpos fracos e parcos, um resto de faro no vazio

Perdão, rei leão
Perdão, rei leão

Pelas jaulas do circo, o fogo no círculo, picadeiro
Pelos shows de tortura nos rodeios
Pelas capas e espadas dos grandes e bravos heróis toureiros
Pelas festas de peão de boiadeiro
Pelas reses que, rumo ao abate, embarcam no trem
Como Jesus a caminho da cruz, cupim, alcatra e acém

Perdão, rei leão
Majestade, perdão

O homem é o grande mal
É vil, cruel, bestial
Barbariza, humilha, extermina por recreio
Ou, pior ainda, por dinheiro

Pelos casacos de pele, acessórios de couro, cintos, bolsas
Pelas miras a laser, alvo e mosca
Pelo tiro ao pombo, esporte de morte, caça à raposa
Armadilhas covardes, redes soltas
Pelos pássaros presos a cantar indefesos, solidão
Gorjeios de prisioneiros, golpes certeiros no meu coração

Perdão, rei leão
Majestade, perdão

Um comentário:

  1. É uma honra para mim ver a minha letra aqui!
    Obrigadíssimo, Luciana!
    GK

    ResponderExcluir